DIÁRIO DO PAÍS - Contra fatos, não há argumentos!

Sexta-feira, 01 de Marco de 2024
Executivo, Legislativo e Sindicato voltam a analisar reforma administrativa

Geral

Executivo, Legislativo e Sindicato voltam a analisar reforma administrativa

“O processo de reforma administrativa deve ser conduzido com prudência e empatia”, afirma o secretário de Administração, Estevam Calvo.  Prudência ...

IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.

“O processo de reforma administrativa deve ser conduzido com prudência e empatia”, afirma o secretário de Administração, Estevam Calvo.  Prudência porque o processo de “é preciso equiparar o salário do cargo X ao cargo Y” pode trazer impactos, tanto ao limite prudencial dos gastos da Prefeitura com a folha de pagamentos, como também em questões previdenciárias.

“É preciso olhar o todo, analisar todos os cenários, ao mesmo tempo que avaliamos a situação de cada cargo”, pondera Estevam. A empatia aparece aí. Na manhã desta quinta-feira (15 de junho), mais uma reunião entre Executivo, Legislativo e Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Sorriso (Sinsems), serviu para analisar a necessidade de seguir com a reforma e, mais que isso, traçar as estratégias necessárias para promover a equiparação salarial de 480 cargos.

“Sabemos que há uma expectativa muito grande em torno deste assunto e precisamos agir de maneira a evitar conflitos”, apontou o presidente do Sinsems, Leocir Faccio, acrescentando ainda que o processo deve se estender, tendo, possivelmente, que continuar a ser conduzido por outros gestores. E, aí, mais uma vez, a situação exige empatia, visto que não é possível que o aumento salarial ocorra ao mesmo tempo para todos os cargos.

Publicidade

Leia Também:

Outra questão que precisa ser levada em consideração é o “fator arrecadação”. Um dos vereadores presentes, Celso Kozak, destacou a importância de se analisar arrecadação municipal nos próximos meses. Nos próximos 15 dias, outra reunião sobre o tema voltará a ser feita, quando a Administração apontará que cargos podem ser já “reformados” neste ano, quais devem ser olhados em 2024 e quais terão de aguardar mais tempo para passarem pelo processo de equiparação.

“Estamos dispostos a resolver esta situação, entendemos a necessidade de nossos servidores, mas, antes de tudo, é preciso lembrar que o processo precisa ser feito com extrema responsabilidade”, reitera Estevam.

O tema também foi analisado pelo adjunto de Administração, Bruno Delgado, pelos vereadores Mauricio Gomes, e Zé da Pantanal, além de outros servidores da Prefeitura, do Sindicato e da Câmara de Vereadores.

  • Texto: Nádia Mastella

    Fotos: Cleiton Isidório

    FONTE/CRÉDITOS: Prefeitura de Sorriso - MT
    FONTE/CRÉDITOS (IMAGEM DE CAPA): Foto: Reprodução/Prefeitura de Sorriso - MT
    REDAÇÃO DIÁRIO DO PAÍS

    Publicado por:

    REDAÇÃO DIÁRIO DO PAÍS

    Com um novo jeito de gerar conteúdo, o Diário do País surge para somar forças junto aos demais veículos de comunicação da Paraíba e do Brasil, numa proposta de trazer o melhor conteúdo para os nossos leitores. Somos um jornal cristão,...

    Saiba Mais
    King Pizzaria & Choperia
    King Pizzaria & Choperia

    Crie sua conta e confira as vantagens do Portal Diário do País+

    Leia matérias e colunas exclusivas, anuncie no guia comercial e +. Grátis!

    Envie sua mensagem, estaremos respondendo assim que possível ; )